terça-feira, 27 de fevereiro, 2024
Início Artigos técnicos Manufatura aditiva: o que é, como funciona e quais suas vantagens

Manufatura aditiva: o que é, como funciona e quais suas vantagens

0
Imagem de um homem segurando uma peça impressa em 3D, com a frase Manufatura Aditiva: O que é, como funciona e quais suas vantagens escrito.

Com processos cada vez mais detalhados e complexos, as fábricas possuem necessidades que devem ser resolvidas o mais rápido possível. Para isso, surge a manufatura aditiva, uma solução veloz que atua como “ferramentaria digital” e auxilia a manutenção, melhorando a performance e trazendo ganhos ao processo de uma ponta a outra. 

Apesar de ser conhecida no mercado desde o final da década de 1980, a manufatura aditiva só começou a ganhar espaço nos processos das indústrias nos últimos anos, com a maior utilização do termo “impressão 3D”. 

Comparada a métodos tradicionais de fabricação, a impressão 3D produz peças de geometrias complexas de forma rápida, resistente e flexível, sem agregar custos. Isso tudo com um tempo menor de fabricação se comparado ao modelo convencional. 

Ficou curioso e quer saber mais sobre manufatura aditiva? Então continue a leitura deste artigo. Ao longo deste texto, você vai conferir: 

  • O que é manufatura aditiva?; 
  • Como funciona a impressão 3D industrial?; 
  • Tipos de impressão 3D industrial que a SKA oferece; 
  • Quais as vantagens de manufatura aditiva?

O que é manufatura aditiva?

Antes de entendermos como ela funciona e como podemos usá-la no dia a dia, precisamos entender que manufatura aditiva é o nome utilizado para definir o processo de manufatura por adição de material. Mas, o que é isso? 

Pense em um modelo digital em 3D de uma caneca. Nele, você poderá definir o tamanho, a espessura e todas as características dela, além de poder corrigir possíveis erros. Depois de pronto, o modelo pode ser enviado para uma impressora 3D dando início ao processo de construção por adição (camadas). 

Ou seja, a caneca será produzida camada por camada, de acordo com o modelo digital e com o material escolhido, que pode variar desde filamentos de polímeros até metais, por exemplo.  

Isso faz com que a manufatura aditiva seja ótima para criar peças únicas ou em série, com geometrias simples ou complexas, e custo e tempo muito atrativos.

operador desenhando uma peça em 3D em um software CAD de manufatura aditiva.

Como funciona a impressão 3D industrial?

Como mencionado no item anterior, a peça produzida por manufatura aditiva é realizada por camadas. Mas você sabe como isso acontece na prática? 

Na primeira etapa, o arquivo é modelado em 3D. Aqui, são definidas as principais características e especificações do produto, como dimensões e forma. Para que isso seja realizado, é utilizado um software CAD, como o SOLIDWORKS, por exemplo. 

A segunda etapa separa o arquivo CAD em camadas. É criado um padrão para que o equipamento construa o modelo, com base nelas, transformando as “fatias” em uma linguagem de máquina para serem enviadas ao equipamento. 

Por fim, na terceira etapa, ocorre a finalização do projeto, quando ele é enviado para a impressora 3D. Com base na linguagem de máquina gerada, a máquina adicionará material camada por camada, sobrepondo uma a uma, até que a peça esteja pronta.

Tipos de impressão 3D industrial que a SKA oferece 

A SKA oferece diferentes tipos de tecnologias de impressão 3D industrial. Você pode escolher a que melhor atende às necessidades do seu negócio. São elas: 

LFS (Estereolitografia de baixa força) 

Aqui, um laser ultravioleta solidifica a resina líquida contida em um reservatório para criar a forma 3D desejada. 

SLS (Sinterização seletiva à laser) 

Nessa tecnologia, um laser é utilizado como fonte de calor para sinterizar as camadas de material em pó em uma peça.  

MJF (Multi Jet Fusion) 

Esse processo é composto por pó, agentes e luz de alta potência. A impressora deposita uma camada de pó na mesa, adiciona agentes na forma de cada camada e funde essa região com o canhão de luz. 

FFF Metal (Fabricação por Filamento Fundido em Metal) 

Nessa categoria, as peças são impressas por um filamento composto de metal, polímero e cera. Depois de impressa, a cera e o polímero são removidos da peça, utilizando um solvente. Por fim, essa peça é sinterizada para entregar a resistência desejada. 

SLM (Fusão Seletiva à Laser) 

Essa técnica de impressão 3D utiliza laser, como SLS, mas funde as camadas completamente em uma peça. Neste processo, utilizamos materiais metálicos. 

FFF (Fabricação por Filamento Fundido) 

Aqui, um filamento polimérico é fundido e extrudado por um bico, camada por camada, até a construção final da peça. 

FFC (Fabricação por Filamento Contínuo) 

O FFC é muito parecido com o FFF. No entanto, além do filamento fundido, ele acrescenta um filamento contínuo de uma fibra para empregar mais resistência.  

BJT (Jateamento de Aglutinante) 

Uma camada de pó é espalhada e são depositados aglutinantes para unir estas partículas de pó, que, por fim, após a impressão, serão sinterizadas para empregar a resistência requerida. 

Abaixo, você poderá conhecer quais são as principais vantagens de utilizar a impressão 3D na sua fábrica. Prepare-se para se surpreender!

Peças produzidas por manufatura aditiva com impressoras 3D

3 principais vantagens da manufatura aditiva 

São inúmeras as vantagens ao incorporar a manufatura aditiva no seu processo de produção. Confira as principais: 

1 – Velocidade 

Com uma rotina extremamente rápida e demandante quanto a das fábricas, é necessário que as peças de máquinas e produtos estejam sempre prontas e disponíveis para que a produção não pare. 

2 – Liberdade de design 

A liberdade de design também é um fator atrativo para quem deseja utilizar a impressão 3D.  

Com a manufatura aditiva, você pode desenvolver peças muito mais detalhadas e customizadas que as oferecidas pelos métodos tradicionais de fabricação, podendo criar exatamente o que você precisa. 

3 – Redução de custos 

A redução de custos é outra vantagem da manufatura aditiva. Por meio desse método de manufatura, você produz somente o necessário, sem gastos com ferramentais ou processos que muitas vezes são burocráticos e demorados. 

SKA é referência em soluções de manufatura aditiva

Atualmente, a SKA trabalha com quatro marcas de impressoras 3D industriais altamente qualificadas. Confira abaixo quais são elas: 

Formlabs 

A Formlabs é a mais nova parceira de negócios da SKA. Ela oferece soluções de manufatura aditiva com as tecnologias LFS e SLS com preços extremamente competitivos. 

Com ela, você também terá acesso a uma ampla gama de materiais, variando de flexível a rígido, com diferentes tipos de resistência à temperatura e durabilidade.

Markforged 

As impressoras 3D de polímeros, metal e compósitos da Markforged também são uma atração. Entre a manufatura tradicional e a ciência de materiais de ponta, a empresa acredita em um futuro em que ir do projeto à peça final é simples, seguro, fácil e acessível.

Por isso, desenvolveu sistemas centrados na produção de peças com alta resistência mecânica para uso direto em ambientes industriais, com as tecnologias FFF, FFC e BJT.

Impressoras 3D Industriais HP 

A HP é outra empresa que oferece um sistema de impressão 3D industrial focado na produção de peças em volume, baixíssimo custo e alta qualidade dimensional e de acabamento. Ela oferece soluções MJF e BJT.

É uma solução até 10 vezes mais rápida que outras tecnologias de impressão 3D a pó, permitindo produção de peças com tempo de espera e custo muito atrativos. 

Impressoras 3D Industriais SLM Solutions

A SLM Solutions produz impressoras com a tecnologia SLM para a produção de peças com alta complexidade em metal.  

Nesse sentido, alguns segmentos industriais, como de óleo e gás, energia, aeroespacial, automotivo e, principalmente, a área médica, são altamente beneficiadas. 

Curso de Manufatura Aditiva Industrial

Gostou do texto e quer se aprofundar ainda mais no mundo da impressão 3D? Agora você pode!

A SKA possui um curso de Manufatura Aditiva que ajudará você a conhecer os conceitos iniciais e as tecnologias de impressão 3D disponíveis no mercado, e lhe ensinará a desenvolver peças com a ajuda do Design para Manufatura Aditiva.

Intitulado “Manufatura Aditiva Industrial – Dos Conceitos à Aplicação”, o curso explica como ter menores custos, aliviar massa, eliminar suporte e aumentar a vida útil de peças, através de um método de fabricação de baixo desperdício, flexível, democrático e ágil.

Confira, abaixo, o vídeo de apresentação do curso e clique aqui para inscrever-se nele.

Inove os processos de manufatura aditiva da sua indústria com a SKA 

Agora que você já conhece tudo sobre manufatura aditiva, ficou fácil de identificar qual é a melhor solução para a sua empresa, não é mesmo?  

Entre em contato com nossos especialistas para conhecer mais sobre as nossas soluções de manufatura aditiva e inovar os seus processos de produção! 

Se preferir, preencha o formulário abaixo e aguarde o contato de um de nossos especialistas em indústria 4.0:

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui